Fique por dentro das novidades!!! Inscreva-se no nosso feed...

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Resumo de aventura...

Um dia para não sair da memória dos jogadores...
Tudo começou quando na aventura anterior após uma batalha duríssima contra Salazar (traidor) o cinzento e logo em seguida um Slaad azul, nossos heróis se depararam com nada mais nada menos que o general Crocodine. Durante a dura batalha dois dos bravos guerreiros encontraram a morte, Junokin o anão e Fei Hong o monge que foram duramente atacados pelo bárbaro slaad, que viu sua vida se esvair pelas mãos de Kirano, o Shinobi do Clã Yoru e Vartran, agora o cinzento. Logo após a batalha os mesmos foram ressucitados pelo poderoso clérigo de Obbad Hai, Wulfgar o urso branco.
Em seguida, nossos heróis foram escoltados pelo compositor Fatjowh Macoy até a cede do governo do vilarejo de Villeshire, onde foram recepcionados de forma esplendorosa pela belíssima e bondosa Lenoria, filha do governante local. Elfa que fora vítima de uma visão onde um grupo seleto composto pelo discípulo de um cinzento chegaria a vila e seriam os possíveis salvadores da vila do dragão silvante... em meio a fantástica e calorosa recepção, o ladino Kirano, influenciado pela aura maligna do Shinigami Zulukan Greenjow atacou covardemente lady Lenoria, que não morreu por um milagre. Durante a fuga em meio à distração causada pela destruição de parte da vila devido ao ataque de chamas que consumia as construções élficas a base de madeira e feno, deu-se um embate psicológico entre Kirano e o Paladino de Hieroneus, Acsuf Nigavart, que hesitante não cogitou tirar a vida de um colega de guilda. Enquanto o alerta monge Fei Hong e o esperto anão Junokim tratavam de fugir apressadamente do local onde ocorrera todo o engodo. Os mesmos foram caçados e encurralado por nada mais e nada menos que Macoy, que se mostrou ser um bardo extremamente poderoso.
Kirano, consumido pela culpa e vergonha se entregou pedindo pela morte e clamando o perdão de seu avô e clã, porém Macoy compulgido pela atitude do ex ladino, perguntou quais eram os verdadeiros sentimentos e o caminho que o clã Yoru seguia, o da covardia e ardilosidade ou da natureza e da honestidade? Kirano respondeu que seu clã extinto seguia a honestidade e a honra, foi então que ainda contundido pelo ódio e confuso pela compaixão o poderoso bardo permitiu que nossos heróis fugissem do vilarejo com a promessa de que jamais voltassem para lá, mas com a condição de que cumprissem a missão dada por Lady Lenoria.
Já no acampamento fora da cidade Kirano ainda sentindo a terrível culpa que o impulsionava a buscar uma punição como forma de alívio do sentimento terrível que assolava seu coração, provocou o bravo guerreiro anão até que o mesmo começasse a esmurrá-lo, o ato não durou muito pois fora impedido pelo poder de telecinesia de Vartran, que também foi provocado por Kirano, mas em sua serenidade apenas deu de ombros e continuou fumando seu cachimbo, logo depois o ex ladino afastou-se do acampamento e procurou um local afastado para dormir, neste momento o paladino Acsuf foi avistado por Vartran, o mesmo tentou convencê-lo de que tudo o que aconteceu estava sendo difícil para todos mas antes que pudesse concluir seu raciocínio foram surpreendidos pelo ataque de nada mais nada menos que o próprio Shinigami Greenjow que, em forma humana, veio reclamar as almas de todos os guerreiros. A luta foi feroz e quase trágica não fosse pela luz da pura e imensa fé de Acsuf, que direcionou o poderoso clérigo Wulfgar para o campo de batalha colocando um fim provisório nas maldades de Zulukan Greenjow matando parte de seu corpo físico...
Agora nossos heróis se dirigem até a vila de Aniel onde não fazem ideia alguma de quais surpresas os aguardam...

Nenhum comentário:

Postar um comentário